Avenida Flora

       O Jaguaribe é um bairro localizado na Zona Sul de Osasco que começou a se destacar no mercado imobiliário por volta do ano de 2012. Foi listado pelo Especial Morar da Folha de São Paulo como um dos melhores locais para se viver da cidade, sobretudo pelo padrão dos condomínios lançados dentro de seu perímetro e até por conta do Lançamento do centro comercial Osasco Center Sul, na Avenida Flora. Todavia, em 2015 houve uma ocupação denominada Favela 14 que avançou até a Avenida Flora. Comunidade causou constantes quedas de energia, aumento nas contas de água e luz e ainda, segundo moradores, aumento expressivo na criminalidade. 

O terreno ocupado pertencia à Família Jaguaribe e estava com diversas dividas junto da Prefeitura de Osasco, em especial com relação a cobrança de taxas. Após a pressão dos moradores do bairro que criaram inclusive um "abaixo assinado" pedindo a reintegração de posse do terreno, a Prefeitura de Osasco intermediou a venda do local entre a Família Jaguaribe e um grupo de empresários que possuía interesse no local há alguns anos. Após a conclusão da venda e resoluções judiciais, a reintegração já é realidade.

Revitalização da Avenida Flora e ligação com a Visconde de Nova Granada

Desde a gestão Emídio de Souza (PT) há um projeto de ligação entre a Avenida Visconde de Nova Granada e a Avenida Flora que nunca foi concluído devido problemas judiciais com o terreno das Favelas 13 e 14. O projeto atual consiste na conclusão dessa ligação por meio da abertura de uma nova via que será denominada Hercília Jaguaribe, que sairá da Flora e desembocará diretamente na Praça do Salgado, inicio da Visconde no bairro Vila Yolanda. O projeto prevê um canteiro central e mais de uma faixa por sentido.

Prefeitura de Osasco

Além da nova alça de acesso, foi divulgado pela gestão municipal a instalação de Câmeras de segurança administradas pelo Sistema Detecta, a implantação de uma ciclovia e a criação de um novo paisagismo para a Avenida Flora, que com novo zoneamento pode receber empreendimentos empresariais. Segundo a Prefeitura, a iniciativa Privada irá ocupar a Avenida de forma nunca vista antes.

Hipermercado, Unidade Básica de Saúde, Escola e Conjunto Habitacional

No terreno onde localiza-se a comunidade em pauta será construído um Hipermercado de rede ainda não divulgada porém com projeto já aprovado pela Administração Municipal. A Prefeitura de Osasco anunciou ainda que será construída uma Unidade Básica de Saúde (Jardim Helena), uma Escola Municipal e um Conjunto Habitacional que receberá famílias da fila da habitação que estarão inclusas no Bolsa Aluguel.

Há na Avenida Capristano de Abreu um parque municipal construído na gestão de Jorge Lapas (PDT) cujo projeto não foi concluído por estar localizado em partes no mesmo terreno das comunidades. Com a delimitação da nova Avenida e revitalização da região, o projeto pode de fato se consolidar no local onde ele já existe.

Os moradores das Favelas 13 e 14 devem inscrever-se no sistema da Secretaria da Habitação (Rua Elias Zamlut, 40 - Vila Osasco) para verificar a possibilidade do enquadramento de suas famílias no programa municipal Bolsa Aluguel e também para entrarem na fila para o recebimento de moradias populares.

Prefeitura de Osasco

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Segurança

Saúde