Moradores da região do Baronesa, na Zona Norte de Osasco, reclamam sobre a forma como alguns comércios da Avenida João Ventura estão utilizando as calçadas na frente de suas lojas ou serviços. Afirmam que muitos consumidores estão ocupando a totalidade da calçada com veículos de forma a induzir os pedestres da via a se arriscarem caminhando pela movimentada Avenida.

       Esse problema tem se apresentado constantemente nas principais Avenidas comerciais da cidade fora da região central devido a falta de fiscalização e menor circulação de pedestres. A falta de planejamento para vagas em determinadas vias agrava a situação, pois a oferta de estacionamentos particulares não mostra-se abundante e não há equipamentos urbanos planejados para que os comércios recebam seus consumidores que se locomovem de carro.

       A Rua Primitiva Vianco, na região central e a Avenida Antônio Carlos Costa, na região do Bela Vista possuem vagas públicas demarcadas em seu percorrer, o que facilita para os comerciantes e consumidores locais, que optam por serviços mais próximos a sua residência devido a facilidade e proximidade. 

       O problema da Avenida João Ventura apresenta-se em outros locais como a Avenida João de Andrade, Benedito Alves Turíbio e Sarah Veloso, pois são locais com diversas opções de consumo e pouca estrutura para quem se locomove a pé e de carro. A fiscalização é necessária para punir tais estabelecimentos, mas antes da punição é necessário que o poder público apresente outras alternativas de planejamento para garantir conforto aos pedestres do município e aos veículos dos consumidores.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Segurança

Saúde