Avenida dos Autonomistas

Nesse último ano, Osasco subiu no ranking das melhores cidades brasileiras para fazer negócios, segundo a Urban Systems em um relatório feito para a revista Exame. Ela saltou do 22º para o 8º em um ranking que apresenta um os 100 municípios que reúnem as condições mais favoráveis para a instalação de empresas.

Para o estudo foram consideradas as cidades com mais de 100 mil habitantes e 28 indicadores de desenvolvimento social, capital humano, infraestrutura e desenvolvimento econômico. 

Um dos destaques de Osasco no estudo refere-se ao indicador Infraestrutura, onde avançou do 45º lugar para o 37º. Os indicadores de Infraestrutura estão relacionados às facilidades que promovem o desenvolvimento de empresas e negócios nas cidades.

Além de pontuar com indicadores favoráveis para o investimento em novos negócios, a Prefeitura tem feito um esforço para atração de novas empresas e, consequentemente, a geração de emprego e renda à população. Uma das metas da Prefeitura há pelo menos duas gestões é criar um pólo de tecnologia, que já atraiu as gigantes Mercado Livre, Dafiti e iFood.

Ranking das 10 melhores cidades

1º – São Caetano do Sul (SP)
2º – Vitória (ES)
3º – São Paulo (SP)
4º – Alphaville/Barueri (SP)
5º – Santos (SP)
6º – Porto Alegre (RS)
7º – Belo Horizonte (MG)
8º – Osasco (SP)
9º – Campinas (SP)
10º – Paulínia (SP)

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem