Matriz do Ifood | Revista Exame

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho referentes ao ano de 2020, mostram que apesar dos efeitos negativos da pandemia do COVID-19 nos meios produtivos, Osasco conseguiu retomar a atividade econômica e, de maio à dezembro, obteve um aumento de 3,7% na evolução mensal do estoque de emprego, ou seja, a cidade mais contratou do que demitiu.

Conforme mostra o levantamento, o município teve um acréscimo de 5.619 empregos ao estoque. Osasco conseguiu fechar o mês de dezembro com o 144.461 empregos, índice superior ao inicio da pandemia.

A retomada da economia da cidade ocorreu de forma uniforme nas áreas de comércio, serviços, indústria e construção. No acumulado do ano, no entanto, por conta das restrições ao funcionamento das atividades não consideradas essenciais, houve pequena retração de 0,6% no estoque de emprego.

Osasco conseguiu nos últimos anos atrair grandes empresas como Ifood, Rappi, Pitzi, Mercado Livre, Dafiti, MercadoCar, Camil e Havan, fora as gigantes já existentes no perímetro municipal como o Bradesco, Caixa Econômica Federal, B2W, SBT, Rede TV!, Meritor, Intermarine, CDD da Coca-cola, Pão de Açúcar, Fábricas do McDonald's, JBS e Ebicen. A cidade ganhará ainda uma nova empresa que somará pelo menos 1450 empregos como divulgado na página oficial do atual Prefeito Rogério Lins. 

Além desses dados, o novo plano diretor da cidade pretende fomentar a economia nos bairros às margens do Rio Tietê, como Bonfim e Piratininga, o que promete revitalizar e devolver os bairros ao mapa dos empregos. O que ocorreu em Osasco foi uma mudança de perfil, assim como em toda a Grande São Paulo. Antes a cidade era industrial e atualmente cresce disparada no tampo corporativo.

Os trabalhadores com menor grau de instrução (fundamental incompleto, fundamental completo e médio incompleto) representam a maior parcela do saldo negativo vínculos empregatícios.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Segurança

Saúde