Nos dias 19 e 20 de Outubro de 2020, a região de Osasco sofreu com fortes chuvas torrenciais que resultaram em focos de alagamento, causaram alguns deslizamentos de terra em áreas íngremes de risco geológico e até mesmo danificaram alguns equipamentos públicos instalados, principalmente nas periferias. Um dos lugares mais afetados foi o extremo norte do município, conhecido também por ser a região mais carente e vulnerável da cidade.

A Secretaria de Obras de Osasco com o apoio da ECOSASCO interveio rapidamente. Na mesma noite dos estragos já era possível verificar tratores e caminhões fazendo a limpeza das áreas afetadas e a desobstrução de vias que sofreram com deslizamentos e estavam bloqueadas com lama. Por se tratar de locais de ocupações irregulares, a situação torna-se ainda mais delicada pois tais características geográficas podem colocar a vida da população em risco.

Também em decorrência das chuvas, a ponte de pedestres que liga o Rochdale ao Jardim Aliança teve problemas estruturais devido à enxurrada. Assim que notificada na manhã do dia 20, a secretaria de Habitação e a secretaria de Obras já estavam no local recarregando as peças para recompor a ponte, importante elo de ligação entre os dois bairros.


O Secretário de Obras de Osasco, Waldyr Ribeiro, foi parabenizado por munícipes em suas redes sociais.

"Como sempre os funcionários da Secretaria de obras são os primeiros a chegar e agir no trabalho para amenizar a situação emergencial", afirmou o morador Eldon Cãndido na publicação realizada na rede social oficial do secretário.

A Secretaria de Obras geralmente trabalha em parceria com outras dependências do município ou até mesmo outras empresas estatais, como a SABESP. Nesse caso a principal parceira da Secretaria de Obras foi a ECOSASCO, que disponibilizou seus caminhões para as ações realizadas em todas as áreas criticas espalhadas por Osasco.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Segurança

Saúde